O mundo parou!

Todos os dias acordamos atrasados, bebemos um café as pressas, reclamamos do trânsito, damos bom dia aos colegas de trabalho e já se colocamos em nossas funções. As horas voam, o dia passa correndo, e quando vimos, já estamos retornando a nossas casas… Entre os dias corridos, e a rotina exaustiva que nos torna quase zumbis, não vimos o tempo passar. O ano mal começou e já passou o carnaval, é quase páscoa, e derrepente, natal!

O mundo se tornou um lugar onde todos correm, correm e mesmo assim sempre se sentem sempre atrasados. Nos vimos, porém não nos enxergamos. Perguntamos como o outro esta, porém, não o escutamos. Lemos livros, revistas, informações em celulares, mas, a sobrecarga de noticias, não nos deixa estar atentos a nada.

Falamos cada dia mais, sobre empatia, sobre dar mãos, sobre olhar com os olhos do outro, mas enquanto não nos atinge, parece que o buraco é sempre mais embaixo. Pois bem, chegamos ao dia previsto por Raulzito. Chegamos ao dia em que a terra parou. O dia em que o dinheiro, será só dinheiro. O dia em que o poder, só servirá para destilar mais ódio e trazer mais briga por mais poder ainda.

Justo nós, que mal soubemos o que é estar no aconchego de nosso lar, estamos trancafiados nele. Nós que somos uma geração workaholic que não sabe parar. A geração que dorme e acorda gerando conteúdo. A geração ligada 24h, precisou desligar. As escolas não abriram. Nossas lojas favoritas estão fechadas. O trabalho, que sempre veio em primeiro lugar, precisou esperar!

Justo nós que controlamos todos os minutos de nosso dia, sejam em planilhas ou planners digitais. Junto nós, que somos a geração que acha que pode controlar o mundo. Ainda não sabemos os efeitos devastadores de tudo isso. A gente sabe que vai doer em vários bolsos (inclusive nos nossos). A gente sabe que vai sofrer um bocado quando tudo isso passar.

Mas otimista que sou, tento ver as coisas de outra forma. Vai doer, mas vai passar. Será sofrido, porém, seremos fortes. Mas me diga você, agora que teve a chance de parar, você já olhou a sua volta, e chegou a conclusão que esta, exatamente onde queria estar?

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair /  Alterar )

Foto do Google

Você está comentando utilizando sua conta Google. Sair /  Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair /  Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair /  Alterar )

Conectando a %s