Veste tua capa menina!

Perdi as contas de quantas vezes sentei para escrever sobre o mesmo assunto. As vezes flui e as palavras saem com uma facilidade tamanha, que nem me dou o trabalho de pensar sobre o assunto, é como se o texto estivesse prontinho, dentro de mim, esperando meus dedos tocarem o teclado. Porém, em outras tantas…

Carta aberta para minha pessoa!

Ela é minha pessoa! Todo mundo tem sua pessoa! As vezes as semanas passam voando, e acabamos não nos dando conta de quantos dias não sabemos uma da outra. Mas sabe, os pais dela, são meus pais postiços. O abraço é sempre verdadeiro, e quando vamos nos despedir, não faço ideia de quantos se cuida…

Somos mais que isso!

Faz algum tempo que aprendi a falar sobre minhas crises. É claro, não é uma questão de sair gritando ao mundo seus problemas, muito pelo contrário. Acho que problema a gente senta, resolve, quietinho, e quase ninguém precisa saber, no máximo, os envolvidos, isso é, se tiverem envolvidos, porquê as vezes, a gente cria né?…

Porquê você o perdoou?

Em uma sexta feira despretensiosa um amigo, acho que já posso chama-lo assim, me fez uma pergunta que ficou martelando em minha cabeça e que gerou vários outros questionamentos, porém, que talvez, não tenha uma resposta absoluta ou simples. Bem, a pergunta foi simples, direta e objetiva, porém carinhosa, cheia de cuidados e me perguntou…

Um brinde à nossas escolhas!

Entre tantas resoluções de ano novo, prometi fazer mais exercícios, estudar mais, levar a vida de uma forma mais leve, fazer mais coisas que me dão prazer, entre tantas outras coisas. Porém a promessa real, foi uma só! Prometi não ter medo, e se tiver, prometi não me deixar paralisar por conta dele! Eu sei,…